26 de abr de 2011

Tupinambás realiza a tradicional Caça ao Ninho



Para comemorar a data da Páscoa, o 44º Grupo de Escoteiros Tupinambás realizou, na tarde do último sábado, a sua tradicional atividade de Caça ao Ninho.
Para chegarem aos objetivos propostos pelas chefias, as patrulhas percorreram com o auxílio de um mapa, diversos pontos da cidade chegando ao Seminário Nossa Senhora de Fátima.
As patrulhas da Tropa Escoteira tiveram que juntar as partes de um mapa para depois seguir sinais de pistas e assim encontrar os ninhos. A Tropa Sênior tinha que localizar pessoas que estivessem de posse de senhas que eram liberadas mediante respostas corretas sobre a Lei Escoteira.
Já o Ramo Lobo realizou diversas atividades na sede do Grupo com brincadeiras e muita diversão, marcando desta forma a data pascal.

Carlos Alberto da Silveira
Assessoria de Imprensa

11 de abr de 2011

Frentes de trabalhos atuaram no Suzana e no Tigre no último sábado

Após dois fins de semana sem nenhuma atividade de limpeza dos rios devido as fortes chuvas que somaram mais de 360 milímetros em Erechim e Alto Uruguai, a Eloverde realizou, neste último final de semana, 09, duas frentes de trabalho nos rios Suzana e Tigre, somando 61 voluntários entre os membros do Instituto e o 44º Grupo de Escoteiros Tupinambás divididos entre as Tropas Escoteiro Misto e Sênior.
Junto ao rio Suzana com sua nascente principal no Loteamento Zimmer, já de início observou-se várias agressões ao meio ambiente, Eloverde e o Tupinambás formaram 3 grupos para trabalhar numa extensão de 15 quilômetros e juntaram 2 toneladas de lixo.
Ao longo do percurso do rio Suzana, os escoteiros e Sêniors iam recolhendo o lixo na beira do rio, como também a grande quantidade que se encontra nas proximidades das casas e estradas, o que mostra que a falta de responsabilidade não se restringe apenas a comunidade do entorno do rio Tigre onde até a Etapa 09 já foram retiradas 33 toneladas de lixo e neste sábado, 12, voluntários retiraram mais 3,5 toneladas no mesmo trecho da etapa anterior.
A participação do 44º Tupinambás foi de grande valia para as atividades, não somente pelo fato de que o rio Suzana passa pela sede do grupo, localizada na RS que vai de Erechim a Gaurama, mas pela importância que este trabalho realizado pelo Movimento Escoteiro Mundial tem para a preservação do meio ambiente e para a conscientização de jovens e adolescentes sobre a sua responsabilidade social e ambiental.
Para o escoteiro Vinícius Fávero, 13, a atividade realizada neste sábado no Suzana representou um grande passo dentro da visão, pois até então não imaginava que a população fazia com o seu lixo, ou seja, joga-se nas calçadas, ruas e rios, neste caso o Suzana.
“Gostei muito de participar nesta atividade com a Eloverde, pois vem conscientizar uma grande camada de nossa comunidade, em especial aos jovens que estão participando ativamente, mas para que surta efeito, é necessário que todos colaborem e parem de jogar o lixo na rua e nos rios. As pessoas moram ao lado do rio, sabem sobre a sua importância, mas mesmo assim não se dão conta do que estão fazendo. Um grande prejuízo para si mesmos”.
Para o chefe da Tropa Escoteira, Gerson Corazza, esta foi uma atividade muito gratificante para toda a tropa, como para o grupo, pois cada membro pode sentir de perto a realidade que não é vista no dia-a-dia com relação a situação dos rios e o destino do lixo produzido nos meios urbano e rural. “Uma verdadeira agressão à natureza, pois achamos muito lixo na extensão do Suzana. Esta é uma atividade de responsabilidade que deveria ter a participação de toda a comunidade para que chegássemos a excelência e efetiva limpeza de nossos rios”.
Paulo Hubner, Chefe da Tropa Sênior, além de coordenar a atividade pelos Tupinambás, destacou que o trabalho, quando realizado em parceira e responsabilidade, como o de sábado no Suzana, tem um valor sem precedentes para a natureza e preservação do mundo que vivemos.
“Estamos satisfeitos em poder estar junto a Eloverde neste trabalho dentro do Projeto de Revitalização dos Rios de Erechim. Sabemos que há muito trabalho a fazer ainda nos rios, em especial no Tigre, sabemos também que quanto mais pessoas engajadas neste processo maior a possibilidade de resultados satisfatórios. Que bom que podemos fazer a nossa parte, não somente como membros do Escotismo Mundial, mas porque também ensinamos nossas crianças, jovens e adultos a construir um mundo melhor para si e para seus descendentes. Isto é salutar e possível, basta todos colaborarem um pouco. Juntos chegaremos aos objetivos esperados”.
Para Rosane Peluso, Gerente do Projeto, a atividade deste sábado, com duas frentes de trabalho, no rio Suzana e Tigre foram produtivas. Observou ainda que “Aos poucos vamos atingindo os objetivos propostos quando do lançamento do Projeto, ou seja, realizar a limpeza dos rios com atividades de Educação Ambiental. Se nós podemos, todos juntos farão muito mais, basta participar”, finaliza.

Carlos Alberto da Silveira
Assessoria de Imprensa

9 de abr de 2011

Atividade Ambiental

video
A atividade de limpeza do Rio Suzana é destaque no Jornal do almoço da RBS TV no sábado, 09, confira no vídeo acima.

4 de abr de 2011

Corazza volta à ativa após vários anos no Tupinambás

Sábado último, 02, as bandeiras junto a sede do 44º Grupo de Escoteiros Tupinambás foram hasteadas a meio mastro devido ao luto oficial decretado pela morte do ex-Vice-Presidente da República e ex-escoteiro, José Alencar.
Na oportunidade também foi renovada a promessa de Gerson Luis Corazza atuando como auxiliar de chefia ramo Escoteiro. Gerson participou no GET como lobinho e escoteiro.
A Tropa Escoteira e o ramo Lobo desenvolveram diversas atividades na sede, já a Tropa Sênior realizou uma atividade ciclística no perímetro urbano de Erechim.
Para o próximo sábado, se não chover novamente, além da atividade de limpeza do Rio Suzana com equipe e voluntários da Eloverde pela parte da manhã, dentro do Projeto de Revitalização dos Rios de Erechim, à tarde será realizada a atividade “Escoteiro por um dia” na chácara do grupo. Para tanto, poderão participar crianças e jovens convidados por integrantes do GET mediante inscrição prévia até quarta ferira (06/04) na sede.

Carlos Alberto da Silveira
Assessoria de Imprensa